16 de set de 2010

Igreja Católica em números no Mundo



Cidade do Vaticano – O Anuário Pontifício 2010 foi apresentado pelo Santo Padre Bento XVI na manhã de 20 de fevereiro. Da leitura do volume se nota algumas novidades relativas à vida da Igreja Católica no mundo, a partir de 2009.
No período que 2007 a 2008 os fiéis batizados no mundo passaram de quase 1.147 a 1.166 milhões, com um incremento absoluto de 19 milhões de fiéis, percentual igual a 1,7%. Confrontando estes dados com a evolução da população mundial no mesmo período, que passou de 6,62 a 6,70 bilhões, se nota que a incidência dos católicos aumentou levemente, de 17,33 a 17,40%. Entre 2007 e 2008 o número de bispos aumentou globalmente de 1,13%, passando de 4.946 a 5.002. O incremento foi significativo na África (+ 1,83%) e nas Américas (+1,57%), enquanto na Ásia (+1,09%) e na Europa (+0,70%) os valores estão abaixo da média geral. A Oceania registra no mesmo período uma taxa de variação de –3%. A situação dos sacerdotes, tanto diocesanos quanto religiosos, continua mostrando, uma evolução positiva, mas moderada e em torno de 1% no período 2000/2008. Os sacerdotes, diocesanos e religiosos aumentaram nos últimos nove anos, passando de 405.178 em 2000 a 408.024 em 2007 e a 409.166 em 2008. A distribuição do clero entre os continentes, em 2008, é caracterizada por uma forte prevalência de sacerdotes europeus 47,1%, os americanos são 30%; o clero asiático é 13,2%, o africano 8,7% e da Oceania é 1,2%.
Entre 2000 e 2008 não variou a incidência relativa dos sacerdotes na Oceania; aumentou o peso tanto do clero africano, quanto do clero asiático e dos sacerdotes americanos, enquanto o clero europeu diminuiu bastante de 51,5 a 47,1%. As religiosas, que no mundo eram 801.185 no ano 2000, diminuíram progressivamente, tanto que em 2008 contavam 739.067 (com uma diminuição relativa no período de 7,8%). Deve ser ressaltado que os grupos mais numerosos de religiosas professas se encontram na Europa (40,9%) e na América (27,5%) e que a diminuição de maior relevo se manifestaram igualmente na Europa (- 17,6%) e na América (-12,9%), além da Oceania (-14,9%), enquanto na África e na Ásia foi obtido um notável aumento (+21,2%) para a África e (+16,4%) para a Ásia, que contrabalançam a diminuição, mas até o ponto de anulá-la. Em nível global, o número de candidatos ao sacerdócio aumentou, passando de 115.919 em 2007 a 117.024 em 2008. No biênio se obteve um aumento de cerca de 1%. Tal variação relativa foi positiva na África (3,6%), na Ásia (4,4%) e na Oceania (6,5%), enquanto a Europa registrou uma diminuição de (4,3%). A América apresenta uma situação estática.

Fonte: Fides

Nenhum comentário:

Postar um comentário